quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

“Cacauati o Cacau do Brasil”


Projeto aprovado pelo ProAC-SP!  Diário Oficial de,13/08/2013

Em fase de captação de recursos. Busca-se empresas interessadas em apoiar projeto cultural. Dedução de ICMS.
Maiores detalhes, no link abaixo:

http://queroincentivar.com.br/projeto/livro-fotografico/#.UjIYY-w-EEY.facebook

Livro fotográfico “Cacauati o Cacau do Brasil” - Pelo Repórter fotográfico Maurício Maranhão.

Os Maias e Astecas cultivavam essa planta e usavam sua semente para fazer bebida. Uma lenda diz que esse fruto é sagrado e assim que comido, o poder e a sabedoria cairão sobre você. Eles a chamavam de cacauati, que foi se transformando através das culturas até chegar ao que conhecemos hoje por cacau.

A idéia é fazer um livro fotográfico sobre a produção e o cultivo do cacau no Brasil, enfatizando a relação com o meio ambiente e os trabalhadores / produtores rurais, especificamente no Sul da Bahia. Pouco mecanizada, é uma cultura que encontrou nesta região um dos melhores solos e clima para sua expansão.

Saindo da floresta amazônica – onde já existia em estado natural – para conquistar o mundo, o cacau percorreu um logo caminho. Sua história cercada de lenda, já foi moeda de troca pelos astecas, condenada pelos religiosos às suas supostas propriedades afrodisíacas, e por muito tempo foi bebida exclusiva das cortes na Europa. Suas sementes, levadas para outras regiões e continentes formaram grandes plantações que representam importante fonte de renda para milhões de pessoas. Quase 5 séculos depois, derivados de cacau são consumidos das mais variadas formas, em quase todos os países e fazem parte da vida do homem moderno.

Atualmente a indústria do chocolate – seu produto mais conhecido e adorado – movimenta globalmente uma economia de 60 bilhões de dólares/ano. O Brasil, que já teve números mais expressivos no mercado, contribui com 5% da produção mundial, sendo a região cacaueira do Sul da Bahia – zona da Mata Atlântica – responsável por 95% do cacau brasileiro. Nessa mesma região foi registrado um recorde de concentração de biodiversidade no planeta e suas diferentes espécies vegetais por hectare.

A questão ambiental provoca discussão internacional; governos europeus estão investindo em programas de incentivo à rotulagem ambiental. O governo alemão lançou o programa Blue Engel, para estimular a ecoeficiência nas empresas. A Escandinavia (Noruega, Suécia e Finlândia) possui o Nordic Swan – liga de países nórdicos com propósito de colaborar e desenvolver sistemas sustentáveis – e muitos outros países da Ásia e da América do Norte aprovaram programas semelhantes.
A Mata Atlântica é um convite peculiar, uma porta aberta aos negócios sustentáveis: biotecnologia, turismo ecológico e à preservação do meio ambiente e da sua biodiversidade. Ela pode e deve ser resgatada com o auxílio do cacau e por todos os benefícios que esta cultura pode trazer para sua zona de confluência e entorno. Contudo, pretendemos ajudar a estabelecer uma relação mais equilibrada entre o homem e a natureza, nesse caso materializada no fruto do cacau e todo o seu processo...

Veja o boneco virtual do livro, no link abaixo
"CACAUATI"

Observação: este projeto está devidamente registrado e encontra-se em fase de captação de recursos. Todos os direitos reservados!!
Em caso de interesse em apoiar este projeto, pedimos gentilmente que entrem em contato. (contato@maranhaoimages.com) ou pelo celular: (11) 954395672

Stock Pictures Maranhão Images, Editora Tag Line.

Nenhum comentário: